Páginas

28.6.16

o que aprendi dando aula para crianças

No início do ano fui chamada pra dar aulas pra crianças de 5 e 6 anos na igreja que congrego. Aceitei, claro. Dar aula pra crianças no meu pensamento seria uma coisa fácil. Coitada de mim né. Hoje depois de 6 meses de aulas dadas já dá pra dizer: não é tão fácil assim não, mas quando você entende que Deus tá no controle e que Ele tem um propósito em tudo o que faz as coisas fluem melhor. Nesses 6 meses dando aula eu já chorei várias vezes, sério. Talvez você pense que é drama, besteira, que eu sou fraca ou alguma coisa tipo, e é verdade, fraca eu sou mesmo mas eu sirvo a um Deus que tem toda a força. Quando fui chamada eu também não imaginei que choraria por isso, como disse, achei que seria fácil. Mas criança é aquele coisa, é difícil de prender a atenção delas, elas querem mesmo é brincar, pintar, desenhar, brincar de novo e fazer coisas que normalmente crianças fazem. 

Como fazer elas entenderem que estavam ali para, acima de tudo, aprender um pouco de Deus? Que a brincadeira fazia parte, mas o principal motivo para elas estarem ali é ouvir a histórinha da Bíblia? Olha é difícil. É difícil sentir que Deus te deu uma missão, saber que se Ele deu é porque você tem capacidade para cumpri-la e mesmo assim sentir que não está a cumprindo. Se você trabalha com isso e acha fácil por favor senta aqui vamos conversar. Eu ainda mão consegui fazer elas perceberem isso completamente, e acredito que é com o tempo e com a maturidade que elas vão adquirindo que vão entender o real motivo daquela ida a salinha aos domingos pela manhã. 

Ano passado, antes de ser chamada pra dar essas aulas eu estava pedindo a Deus pra que Ele me desse alguma coisa pra fazer na casa dEle , eu não queria estar ali a toa, sabia que teria algo pra eu fazer. Sempre tem. E Deus não apenas me separou pra dar as aulas mas também pra ajudar na secretaria da igreja. Eu estava pedindo pra Ele me dar alguma coisa pra eu fazer e Ele deu logo duas. Como eu disse, sempre tem algo pra ser feito. Além disso Ele ainda me deu a faculdade, um bônus a parte da igreja. Mas tudo isso já tava la nos planos dele e eu só me pus disponível para Ele fazer o que queria. 

Eu falei bastante mas o ponto onde quero chegar é que aprendi muito nesses meses dando aulas para as crianças. Já perdi a paciência, já tive vontade de chorar na frente delas (eu não foi por emoção ou alegria), já pensei em entregar e parar, mas estou aqui, porque acima de qualquer vontade minha está a vontade de Deus.

o aviãozinho
Ainda estou com a mesma turma desde o inicio do ano cada domingo que dei aula fui conhecendo um pouquinho melhor cada um deles. A Giovanna é um amor de menina (e certamente "um amor" estará na descrição de todas as crianças), calma e serena; já Emilly é mais agitada, essa gosta de brincar, tá sempre rindo, as vezes faz uma pirracinha, mas é um doce, gosta de abraços, um amor; o Davi não tem ido muito, mas sempre que vai ele gosta é de orar, e não vem com essa oração de obrigado por mais uma dia amém não, ele gosta da oração que demora, gosta de falar com o Pai, esse já sabe o que é bom desde pequeno, gosta de aprender as histórias, e de contar as histórias que ele conhece também, certa vez fizemos aviãozinhos de papel na sala (na verdade o Daniel fez por que a tia aqui não sabe fazer o negócio do aviãozinho que dá o voo perfeito), enfim, todos brincando o avião daqui a pouco só vejo um bracinho levantado me entregando um aviãozinho cheio de flores rosas, "leva pra brincar em casa", eu disse. "Não tia, esse é pra você" ele respondeu, "ele pediu pra eu fazer florzinhas pra ele te dar" completou a Giovanna, como não amar minha gente????? Um amor. Foi bem naquele dia que eu estava bem insegurança, querendo parar. Na hora eu não chorei no nas preciso confessar que quando cheguei em casa ninguém segurou, tive certeza que foi Papai falando "ow é aí que eu quero que você esteja". Tudo bem Pai, é aqui que vou ficar; O Daniel (aquele que faz os melhores aviõeszinhos de papel) gosta é da bagunça, gritar, brincar, subir na cadeira é o que ele quer mesmo, diz que não gosta se ouvir a história e quando faço as perguntas é o primeiro a responder; O Arthur na verdade eu não conheço muito, nos primeiros dias era tímido, não falava muito, não brincava muito, agora tá soltinho, "tia eu não quero fazer isso ai não" ele disse se referindo aos trabalhinhos da revista "tudo bem, se você não quer você não precisa fazer, no final da aula só os outros amiguinhos vão fazer" eu disse. No final da aula "tia cade o lápis quero pintar também"; o Pedro, é uma mistura, as vezes é Daniel, as vezes Emilly, um pouco de Davi com um toque de Giovanna, sempre ajuda quando precisa guardar os lápis, ajuda os amigos também, gosta que os outros obedeçam, um doce. Fora os visitantes que aparecem vez ou outra, cada um tem uma coisinha pra ensinar. 

A Giovanna me ensinou que eu preciso ter calma; a Emilly me ensinou a levar as situações na brincadeira, não precisa levar tudo tão a sério; o Davi me ensinou a amar a Deus e valorizar nossa relação (minha e de Deus); Daniel me ensinou que me permitir dar o louco as vezes não faz mal; o Arthur me ensinou que tudo bem não ter total certeza das coisas, tudo bem fazer uma escolha e se arrepender dela; o Pedro me ensinou a estar sempre disponível pra ajudar. 

Olha não tem sido muito fácil, as vezes penso que eles não estão absorvendo nada do que falo, as vezes penso em desistir, as vezes penso que só ir assistir a aula na minha classe e não dar aula é melhor, mas o pensamento que reina na minha cabecinha é que o melhor mesmo é entender que tudo está no controle de um Paizão maravilhoso que já tem tudo planejado, e que eu só preciso confiar e entregar nas mãos dEle. E eu espero que, se você leu esse textão aqui, você tenha aprendido alguma coisa. O que eu queria passar mesmo é que nada foge do controle dEle e que tudo tem algo a nos ensinar, nós só precisamos abrir os olhos. 

Vamos combinar a partir de agora, você abrir seus olhos e estar sensível para o que você pode aprender no dia a dia? 

21.6.16

respondendo perguntas não muito úteis

Faz uns dias que estou querendo postar algo por aqui, os trabalhos da faculdales (um em especial) estão tirando minha vida então precisava me libertar um pouco disso, escrever algo que não tivesse que ser divido em apresentação, objetivos, metodologia, etc. Entrei no blogger pra ver os posts novos dos bloguinhos que sigo pensando "vou procurar uma tag pra responder", abri o post novo da Manie num é que era uma tag menina. Na real são 31 perguntas de um post do Buzzfeed, mas vamos chamar de tag.

1. Você gosta de coentro ou acha que tem gosto de sabonete? 
Deixa tudo com gosto de peixe, inclusive um dia desses tava comendo uma panqueca de ricota temperada com coentro ninguém tirava da minha cabeça que tinha camarão ali, não sou muito fã de peixe mas gosto de coentro. 

2. O que você acha de áudios do WhatsApp? 
Gosto, quase sempre os que mando são longos então sempre acho que a pessoa vai me odiar. 

3. Você também comia o chocolate da Turma da Mônica pelas bordinhas? 
Esse chocolate da Turma da Mônica não é da minha época não, mas o ritual da tortuguita não quebro. 

4. Qual é a melhor consoante do alfabeto? 
Eu gosto muito da letra S.

5. Qual é a primeira rede social que você vê de manhã? 
Whatsapp pra combinar de encontrar com as migas. 

6. Você acha que existe alguma bala melhor que 7 Belo?
Bala de banana ♥ 

7. Que cor você acha menos confiável? 
Laranja/Abóbora. Não dá pra confiar numa cor que não tem nome próprio, tem nome de fruta/legume.

8. Qual foi o último filme que você viu e odiou? 
Tá ai uma pergunta difícil de responder. Eu odiar filme é uma coisa rara. Algum da saga Crepúsculo que assisti no cinema (ou seja dez mil anos atrás) pra comemorar o aniversário de uma amiga fiquei boladíssima por ter gastado dinheiro naquilo mas segue em frente.

9. Qual animal parece mais simpático, um pato ou um golfinho? 
Golfinho. 

10. Toddy ou Nescau? 
Nescau.

11. Você acha que bebês conversam uns com os outros?
Não. 

12. Sabia que todo mundo é feito de poeira de estrelas? 
Próxima.

13. Ouro Branco ou Sonho de Valsa? 
Ouro Branco sempre

14. Qual era seu desenho favorito na infância? 
Nunca tive um desenho favorito, definir alguma coisa como favorito pra mim é muito difícil. Aqueles que passavam no Cartoon Network eram os que eu mais assistia.

15. Que série você jamais reveria? 
Revenge. Já sei a história né, não valeria a pena assistir tudo de novo sabendo o que acontece.

16. Qual personagem do Harry Potter você menos gosta? 
Nunc.avi

17. Qual é sua opinião sobre barrinhas de cereal? 
Enganadoras. Você acha que tá saudável e tá comendo só açúcar.

18. Com quem você dividiria um Bis? 
Olha dividir UM Bis com alguém é sacanagem, ou eu comeria escondido ou daria o Bis inteiro pra outra pessoa.

19. O que você faria se achasse R$ 50 na rua? 
Guardaria pra quando precisar.

20. Quanto tempo uma comida precisa estar na geladeira para você considerar ela velha? 
Depende da comida mas não costumo ter problema com isso não se tá velho a gente esquenta, junta umas coisa gostosa e fica tudo certo. 

21. Qual é seu número preferido? 
Definir alguma coisa como favorito/preferido pra mim é muito difícil. 

22. Qual é o aplicativo mais inútil do seu celular? 
Levando-se em conta que eu só tenho WhatsApp, Youtube e Twitter e o app YT não funciona, o Youtube. 

23. Quem você tiraria do elenco de “Friends” se fosse obrigado? 
Nunc.avi 2.0

24. Você é contra ou a favor de comer macarrão com arroz? 
Sou a favor da pessoa comer a comidinha dela como ela quiser, mas eu não como. 

25. Qual foi a última vez que você precisou usar a Fórmula de Bhaskara? 
Provavelmente no Enem, ou alguma prova de matemática.

26. Você acha que dá para morrer de overdose de rúcula? 
Se der é bem estranho.

27. Quanto tempo você levou para entender como funciona o Snapchat? 
Pouco.

28. Qual é sua opção favorita no restaurante por quilo? 
Combo arroz + feijão + farofa nunca falha. 

29. Você gosta de “Sorry” do Justin Bieber? 
Nada contra inclusive dou até um balancinho quando toca. 

30. Você prefere passar muito frio ou muito calor? 
Muito calor!!!!!!!!!

31. Você está dormindo e sobe uma barata na sua cara. Você prefere continuar dormindo e nunca saber ou acordar e fazer alguma coisa?
Claramente continuar dormindo. Vida que segue. 

Gosto muito de responder essas tags, pretendo postar mais aqui no bloguinho. Abraço.